Como vai sua saúde? Causas e Consequências

A saúde é realmente uma consequência de tudo o que fazemos.

Por incontáveis vezes passamos pela tentação de justificar nossos problemas de saúde com algo vindo de fora, uma friagem, um tropeção ou mesmo uma  intoxicação alimentar, mas não percebemos que já passamos por diversas situações similares e nosso organismo reagiu de forma diferente.

 Agora você pode pensar assim... mas era a minha imunidade que estava um pouco baixa naquele dia.

 Pois bem, concordo com esta reflexão, mas perceba que o sistema imunológico faz parte do seu organismo, é comandado pelo sistema endócrino que apenas responde a estímulos vindo das percepções energéticas, para adequar o corpo à realidade vivida pela alma.

Seguindo este mesmo exemplo, o sistema imunológico é comandado pelo Timo, glândula responsável pela produção de hormônios que equilibram a imunidade. No campo energético, o Timo relaciona-se com o chakra do coração, que recebe e envia energias de amor e auto-respeito.

Podemos agora unir as ideias. Uma baixa imunidade está relacionada a uma fragilidade nas sensações de amor que transitam por você. O Amor é o grande e maior remédio para o corpo e para a alma. Desenvolva esta rede de amor em você.


 A falta desta energia, dispara uma necessidade de se proteger, que logo é recebida pelo organismo que responde estimulando um aumento na produção de hormônios pelo Timo (linfócitos T). Estes formam os glóbulos brancos, que são as células de defesa do organismo contra qualquer anormalidade celular, inclusive o câncer. A excesso de estimulação do Timo, ao longo do tempo pode causar um debilidade em sua função básica, gerando uma baixa imunidade.

O amor aqui mencionado, não é aquele amor platônico ou apenas o amor em relacionamentos, pois mesmo este em desarmonia também acarretará disfunções no funcionamento do Timo. Falamos em amor, de qualquer espécie e principalmente o amor próprio que normalmente precisa ser entendido e explorado para existir de forma natural em você.

Conheça mais sobre si mesmo, suas emoções e sensações. Cultive relações de amor com as pessoas e o seu corpo responderá com vitalidade e saúde. Procure formas de se conhecer, cursos, estudos e práticas que despertem esta realidade esquecida, o amor.


Com amor, Saulo Luciani